Mudar…O Horizonte Que É Mudar!

Este tema encaixou de forma perfeita na minha vida. Espero que na vossa também. E se sentirem que este é o momento para mudar, então não vivam de palavras, slogans e frases sábias que tanto amamos. Neruda disse: “Eu sou completamente apaixonado por palavras, mas o que eu amo mesmo de verdade são os actos.”. Hoje é o primeiro dia do resto das nossas vidas, pensem nisso! As vidas que tivémos de viver para estarmos juntos nestes fragmentos de existência. A todos vocês que são mestres e alunos nesta vida tão temporária que vivemos, esta reflexão toca fundo por ser, apenas, tão verdade.

Nasmaste!

Bruno Piairo Teixeira

É preciso saber quando uma etapa chega ao fim… Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos de viver. Encerrar ciclos, fechar portas, terminar capítulos… Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já acabaram…
Sair daquele trabalho de anos… Terminar uma relação… Sair de casa dos pais em direção a uma nova vida… Ir viver para outro país… Aquela amizade que nos acompanhava desde sempre e que desapareceu sem explicações… Enfim, cenários não faltariam!!! Podemos passar muito tempo a tentar perceber porque aconteceu… Podemos dizer a nós mesmos que não damos mais nenhum passo enquanto não entendermos as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes para nós, para a nossa vida, serem subitamente transformadas em pó. A verdade é que isso não mais é do que um desgaste imenso para todos: para os nossos pais, para os nossos amigos, para os nossos filhos, para os nossos irmãos… todos sofrerão ao ver que estamos parados.
Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem. O que passou não volta: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar. E se as coisas passam e vão, o melhor a fazer é deixar que elas realmente possam ir embora… definitivamente!
Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa… mudar de vida!
Tudo o que neste mundo é visível são manifestações de um outro mundo… invisível, o mundo que acontece e vive no nosso coração… e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras memórias futuras possam entrar! Deixar ir embora. Soltar. Desprender. Ninguém vive o jogo da vida só para ganhar, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos.
Não esperemos que nos devolvam algo, não esperemos que reconheçam o nosso esforço, que descubram o nosso lado genial, que entendam… o nosso amor. Por vezes é importante desligar a nossa televisão emocional e deixar de assistir sempre ao mesmo programa, que mostra a forma como sofremos com determinada perda. Não há nada mais perigoso que o fim de relações, sejam elas pessoais, sociais e/ou profissionais, que não são aceites, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do “momento ideal”. Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo!
É fundamental lembrar e recordar que houve uma altura em que podíamos viver sem o que perdemos – nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. Pode parecer óbvio, pode ser difícil, mas é muito importante.
Encerrar o ciclo!!! Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente já não pertence à nossa vida. Fecha-se a porta, muda-se o disco, limpa-se a casa e muda-se a fechadura.
Esquecemos quem éramos e passamos a ser…quem somos!

LDM, 2013

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: