Nunca Julgues Um Livro Pela Sua Capa. Pelo Menos, Não Este! – Parte II

2ª Parte…ainda na conversa com O Surfista.

“- Um erro é só um erro se o repetires. Da 1ª vez é uma bela lição, tu sabes disso – disse Moe.
– Correcto. Estás a ver como realmente os nossos pensamentos foram o nosso mundo? Aquilo em que te concentras na tua vida crescerá, o que pensas expandir-se-á e as coisas a que te agarras determinarão o teu destino. E olha que isto não são só tretas para te desmotivar. Estas afirmações baseiam-se nas leis da natureza e em factos científicos.
– No fundo é o mesmo que o pensamento positivo, não é? Mas não me tinhas dito que o pensamento positivo era pouco saudável? E agora estás a dizer o contrário.
– Bom, as coisas não são tão pretas no branco como dizes Jack. Há muito mais coisas em jogo.
– Tais como?
– Tais como os sentimentos, por exemplo. O pensamento positivo não é saudável se em vez de enfrentares a maneira como te sentes numa situação difícil negares os teus sentimentos e pensares “pensamentos alegres” – respondeu Moe, fazendo eco ao que o Padre Mike me ensinara, durante o mês que passei em Roma.
Moe prosseguiu:
– É essencial, para a nossa saúde emocional, detectarmos e reconhecermos os nossos sentimentos. Fazê-lo é uma parte importante da nossa aceitação e amor total por nós próprios.”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: